Newsletter

Cadastre seu e-mail e fique por dentro sobre vagas de emprego, informativos de mercado, opiniões e artigos técnicos.
Enviar
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso.
COTAÇÕES

BOVESPA

  • Variação

    Pontos

  • +0,48%

    80.135,62

  • 16/01/2018 14h00
    Yahoo

DÓLAR COMERCIAL

  • Variação

    Valor

  • 0,82%

    R$ 3,237

  • 16/01/2018 14h00
    UOL

AÇÚCAR CRISTAL

  • Variação

    Valor

  • 7,71%

    R$ 61,79

  • 16/01/2018 14h00
    CEPEA

ETANOL HIDRATADO

  • Variação

    Valor

  • 1,94%

    R$ 1,8515/L

  • 16/01/2018 14h00
    CEPEA

ETANOL ANIDRO

  • Variação

    Valor

  • 1,03%

    R$ 1,9476/L

  • 16/01/2018 14h00
    CEPEA

Pacote trabalhista será anunciado às vésperas do começo da safra

 

Assim como outros setores da economia, o setor sucroenergético também deve se preparar porque o Governo federal deverá anunciar em março um pacote para ampliar a arrecadação de impostos. O anúncio ocorrerá praticamente um mês antes do início da safra 15/16 de cana-de-açúcar na região Centro-Sul do país.

A novidade foi anunciada nesta segunda-feira (9) pelo ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias.

Em princípio, o pacote tem viés trabalhista: coibir a inadimplência e fraude no pagamento de contribuições como o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Daí, o Governo pretende incrementar a fiscalização eletrônica e, assim, obter R$ 2,7 bilhões.

A fiscalização eletrônica foi lançada em abril do ano passado. Na ocasião, o ministério informou que ela se restringiria ao pagamento do FGTS. Depois, seria expandida para o cumprimento de cota de aprendizes, dimensionamento de serviços especializados em segurança, prevenção de acidentes de trabalho, etc.

O governo estima que só no FGTS a sonegação seja de 7% a 8% dos valores pagos, que somaram R$ 94 bilhões em 2013, no dado mais recente disponível.

Segundo Dias, a fiscalização eletrônica também deve ajudar a elevar a cobrança de multas das empresas que desrespeitam as regras trabalhistas.

Fonte: Jornal Cana -  -