Sermasa Equipamentos Industriais

Newsletter

Cadastre seu e-mail e fique por dentro sobre vagas de emprego, informativos de mercado, opiniões e artigos técnicos.
Enviar
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso.
Carregando

COTAÇÕES

BOVESPA

  • Variação

    Pontos

  • A partir de 1:45PM BRT. Mercado aberto.

  • 25/06/2020 14h00
    Yahoo

DÓLAR COMERCIAL

  • Variação

    Valor

  • A partir de 6:00PM BST. Mercado aberto.

  • 25/06/2020 14h00
    Yahoo

AÇÚCAR CRISTAL

  • Variação

    Valor

  • 1,45%

    R$ 75,68

  • 25/06/2020 14h00
    CEPEA

ETANOL HIDRATADO

  • Variação

    Valor

  • 0,83%

    R$ 1,6607/L

  • 25/06/2020 14h00
    CEPEA

ETANOL ANIDRO

  • Variação

    Valor

  • 0,82%

    R$ 1,8762/L

  • 25/06/2020 14h00
    CEPEA

Ibovespa recua após EUA voltar a bater recorde de novos casos de covid-19

 

 
Mercado teme que volta de medidas de isolamento social desacelerem recuperação econômica.
 
A bolsa brasileira recua, nesta sexta-feira, 26, e caminha para fechar a semana em queda, com temores sobre o aumento de casos de coronavírus nos Estados Unidos, que voltou a bater recorde nesta semana, depois de dois meses. Às 14h46, o Ibovespa, principal índice de ações, recuava 1,80% e marcava 94.259,87 pontos.
 
Na quinta-feira, os Estados Unidos registraram mais de 41.000 novos casos. Segundo o New York Times, em alguns estados do oeste e do sul do país, o vírus sobrecarregou hospitais, adiando processos de reabertura. Por lá, já são 2.422.312 contaminados e 124.415 mortos pela doença, de acordo com dados da Universidade Johns Hopkins.
 
O mercado teme que o aumento do número de infectados exija a volta de medidas mais duras de isolamento social, desacelerando a recuperação econômica.
 
“A expectativa de recuperação no segundo semestre diminui. Se tiver viver uma segunda onda mesmo retarda tudo. Vai precisar de mais política de estímulo e mais política monetária para segurar”, afirmou Alvaro Bandeira, economista-chefe do banco digital modalmais.
 
No mercado americano, os índices S&P 500, Dow Jones e Nasdaq recuam mais de 2,31%, 2,01% e 1,90%, respectivamente.
 
O pessimismo nos Estados Unidos também influenciou as bolsas europeias, que, em sua maioria, viraram para queda, mesmo após as falas da presidente do Banco Central Europeu, Christine Lagarde, terem impulsionado o mercado local mais cedo. Segundo ela, o continente “provavelmente” já deixou para trás a pior fase da crise do coronavírus. O índice pan-europeu Stoxx 600 cai 0,25%. A bolsa de Londres, porém ainda se mantém em terreno positivo, apesar de ter reduzido a alta para 0,40%.
 
Bandeira também lembra que o tom menos negativo na Europa leva em consideração um “ajuste” em relação às bolsas americanas, que esticaram o movimento de alta no fim do pregão, quando o mercado europeu já estava fechado. Na véspera, a trajetória de valorização foi motivada por expectativa de novos estímulos por parte do Federal Reserve e do governo americano.
 
Destaques
Na bolsa, as ações da resseguradora IRB Brasil avançam mais de 5% e lideram as altas do Ibovespa, após a empresa informar que as investigações internas foram concluídas. Embora tenham descoberto irregularidade em pagamentos de supostos bônus equivalentes a 60 milhões de reais, parte do mercado viu como positivo o resultado da auditoria.
 
“Mostra que a gestão atual está fazendo uma limpeza, tirando os problemas que existiam. Ao meu ver, o preço da ações tende a refletir o negócio em si e não mais o medo sobre o que a gerência está fazendo com a empresa”, afirmou Victor Hasegawa, gestor da Infinity Asset.
 
Fonte: EXAME